ANGELIM – AMARGOSO

 In Espécies de madeira, Serrada EM BRUTO

ANGELIM – AMARGOSO

Vatairea sp.
Nomes Comuns:
amargoso, angelim, fava, fava-amarela, fava-amargosa, faveira, faveira-amarela, faveira-bolacha, faveira-de-impigem e faveira-grande-do-igapó.
Características gerais:
Cerne e alburno distintos pela cor, cerne castanho-amarelado ou castanho-avermelhado; com aspecto fibroso; cheiro imperceptível; gosto amargo, densidade alta; grã direita a irregular; textura grosseira.
Durabilidade e Tratamento:
Durabilidade natural: O cerne apresenta alta resistência ao apodrecimento e à ação de cupins de madeira seca. Madeira susceptível ao ataque de brocas e organismos marinhos.
Tratabilidade: Em ensaios de laboratório, de tratamentos sob pressão, demonstrou ser moderadamente permeável às soluções preservativas.
Características de Processamento:
Trabalhabilidade: A madeira de angelim-amargoso apresenta comportamento moderadamente bom no processamento mecânico, porém apresenta tendência a levantamento de fibras ao ser aplainada. As operações de torneamento, furação e pregação são fáceis.
Secagem: A secagem ao ar com velocidade moderada resulta em pouco ou nenhum defeito. Rápida secagem em estufa, com moderada tendência ao encanoamento e torcimento médios
Propriedades Físicas

Densidade de massa – Aparente a 15% de umidade: 936 kg/m3

Contração – Radial: 4,8% / Tangencial: 9,8% / Volumétrica: 14,0%

Usos

Construção civil
• Pesada externa: dormentes ferroviários, cruzetas, estacas
• Pesada interna: caibros, vigas
• Leve interna, estrutural: ripas
• Uso temporário: andaimes, escoramento, fôrmas para concreto Mobiliário
• Alta qualidade: partes decorativas de móveis
Outros usos:
• Decoração e adorno
• Lâminas decorativas
• Embarcações (quilhas, convés, costados e cavernas)
• Embalagens
• Cabos de ferramentas

Recent Posts
Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Start typing and press Enter to search